39 anos depois de serem presos, homens são inocentados nos EUA

0 Flares Facebook 0 Google+ 0 Email -- 0 Flares ×

39 anos

 

Essa é uma notícia de partir o coração. Depois de passarem 39 anos trancafiados em prisões americanas os senhores Ricky Jackson, que tem hoje a idade de 57 anos e Wiley Bridgeman, com 60, foram inocentados e libertados pois haviam sido presos devido a um erro judiciário.

O caso

Em 1975 o empresário Harry Franks foi assassinado e após ter sido coagido pelos policiais de Cleveland, Eddie Vernon, na época com 13 anos, reconheceu Ricky, Wiley e seu irmão Ronnie Bridgeman como os autores do crime.

39

Inicialmente os três foram condenados a morte pelo estado de Ohio, mas felizmente a lei onde se baseou a condenação foi declarada inconstitucional e a pena foi convertida em prisão perpétua no ano de 1978. Apesar da condenação Ronnie foi libertado no ano de 2003.

A libertação

O processo de três anos que culminou na libertação dos condenados iniciou com uma reportagem da revista Scene que foi publicada no ano de 2011, a reportagem detalhava várias falhas no caso.

No ano de 2012, Vernon retratou seu depoimento inicial e o judiciário retirou as acusações contra os homens dando-lhes liberdade.

Em relação ao acusador Eddie Vernon, Jackson disse:  “Foi preciso muita coragem para fazer o que ele fez. Ele esteve carregando um fardo por 39 anos, assim como nós. Mas, no final, ele se arrependeu, e sou grato por isso”.

Essa é a história de um erro judiciário que roubou a vida de três homens, um libertado no ano de 2003 e dois que foram finalmente inocentados após a revisão de um depoimento 39 anos depois de serem presos.

Curta O Sabicão nas redes sociais e compartilhe a notícia com seus amigos. Caso queira ver algum tema em especial, sugira nos comentários ou em nossa fanpage.

Fontes: G1, Portal Forum

Fotos: AP/Phil Long

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.