5 casos impressionantes de coincidências

0 Flares Facebook 0 Google+ 0 Email -- 0 Flares ×

 

Existem casos muito impressionantes e intrigantes sobre fatos ligados uns aos outros que parecem ter sido orquestrados de forma planejada e não terem ocorrido por mero acaso, esses casos são chamados de coincidências pelos mais céticos como coincidências. Outros acreditam que nada no mundo é coincidência e que nada ocorre por mero acaso.

Conheça 5 dessas histórias sobre o tema, no artigo de hoje:

  1. Uma das mais incríveis coincidências: A vida imita a arte

220px-Pym

Durante o século XIX, o escritor Edgar Allan Poe lançou o livro: “A Narrativa de Arthur Gordon Pym”, o livro conta uma terrível história de um naufrágio do qual se salvavam apenas quatro homens que permaneceram à deriva em um bote salva vidas até que, em desespero, e há vários dias sem comer, resolvem matar um deles para comer, o azarado homem é o camareiro de nome Richard Parker.

Alguns anos depois, em 1884, ocorre uma das mais impressionantes coincidências desta lista: o barco Mignorette afundou deixando quatro homens à deriva por vários dias, sendo que tais homens tiveram, conforme era costume do mar na época, que matar a um deles e se alimentar dele. O infeliz escolhido estava doente por ter bebido água do mar. O seu nome?? Richard Parker;

  1. Duplo salvamento

4845

Em 1930, um homem chamado Joseph Figlock caminhava tranquilamente por uma rua da cidade de Detroit quando um bebê caiu em cima dele. Nem Figlock e nem o bebê se feriram. Um ano depois, caminhando tranquilamente pela mesma rua, novamente um bebê caiu de uma janela e atingiu Joseph Figlock, o fato incrível é que era o mesmo bebê que havia caído um ano antes e novamente, nenhum dos dois se feriram;

  1. Dupla exposição

double-exposure

Em 1914, uma jovem mãe alemã fotografou seu filho na cidade de Estrasburgo, devido ao início da Primeira Guerra Mundial ela teve de abandonar o retrato do seu filho e a placa que continha a imagem. Dois anos depois, a mesma mãe foi até a outra loja na cidade de Frankfurt e comprou outra placa para tirar uma fotografia de sua filha. Quando a foto foi revelada havia uma dupla exposição com uma foto de seu filho atrás da foto mais recente na qual era retratada a sua filha. Ao que parece a placa foi indevidamente devolvida à venda, incrivelmente comprada pela mesma senhora em uma outra cidade a mais de 100 km de distância do lugar original onde se encontrava a placa;

  1. Táxis e motos

moto

Em 1975, na Ilha de Bermudas, um homem foi atropelado enquanto andava com a sua moto e acabou morrendo. Um ano depois, seu irmão, conduzindo a mesma moto, também foi atropelado e morreu. O incrível e tétrico detalhe deste caso é que os dois foram atropelados pelo mesmo táxi, com o mesmo motorista e o mesmo passageiro em ambas as situações;

  1. Reencontrando a infância

8484151815184

Em 1920, a novelista norte americana Anne Parrish que estava circulando por Paris, chegou em uma livraria e encontrou um livro que apreciava muito em sua infância chamado: “Jack Frost e outras histórias”. Chamou seu marido e mostrou para ele, e ao abrir o livro percebeu que havia escrito nele: “Anne Parrish, 209, N. Weber Street, Colorado Springs”. Incrivelmente era o seu próprio livro que estava em sua frente.

Mas o que perguntamos para você é: Você acredita em coincidências??

Até a próxima!!

Fontes: Listverse, Mega Curioso, Ah Duvido, Mundo Estranho, Minilua