A morte de Elvis Presley – verdade ou farsa??

0 Flares Facebook 0 Google+ 0 Email -- 0 Flares ×

elvis

O dia 16 de agosto é um dia que marcou a história de muitos fãs de Elvis Presley, oficialmente, o óbito do Rei do Rock’n Roll ocorreu nesse dia do ano de 1977, devido a um ataque cardíaco, mas muitas pessoas acreditam que Elvis não deixou a vida nesse dia, na verdade ele simulou a sua morte e passou a viver uma vida sem a interferência da fama. Hoje trazemos a pergunta: Você acredita que a morte de Elvis Presley ocorreu naquele 16 de agosto de 1977?

Pessoas próximas ao rei diziam que ele se tornara refém da fama, ele fazia shows, participava de entrevistas, programas de tv e isso seria o motivo pelo qual ele decidiu simular a sua própria morte.

Por outro lado, outra corrente cita um suposto problema que Elvis teria com algumas pessoas ligadas à máfia. Nessa versão, Elvis estaria sendo ameaçado por essas pessoas, provavelmente por estar devendo a elas. Assim o mais prudente seria simular a própria morte.

elvis2

Apesar de divergirem nos motivos pelos quais Elvis teria decidido simular a própria morte, a maioria dos que acreditam na falsificação da morte de Elvis citam como principais indícios dessa história seriam:

  • Elvis despediu-se de forma estranha de várias pessoas que conviviam com ele em Graceland, e em seu último show, na cidade de Indianápolis, ele se despediu do público com um “Adios”, diferente daquele “Até o próximo show”, que era o usual;
  • Elvis encerrou o vínculo de vários empregados de confiança que estavam com ele há muito tempo, apenas dois dias antes de sua morte;
  • A autópsia de Elvis foi realizada logo após a sua morte, mas constam dados totalmente diferentes daqueles do rei, a autópsia parecia ter sido realizada em outra pessoa, pois nem a altura e nem o peso batiam com aqueles que Elvis possuía antes de morrer;
  • O local onde Elvis foi velado estava muito frio, isso suscitou a especulação de que o que havia sido velado na data foi um cadáver de cera e para que não derretesse a temperatura foi mantida baixa;
  • Falando em velório, o de Elvis foi realizado de forma muito apressada, segundo aqueles que acreditam na teoria de que Elvis sobreviveu após o dia 16 de agosto de 1977, isso foi feito para que aqueles que conheciam o rei ou que eram grandes fãs dele e podiam perceber a fraude e as imperfeições do cadáver de cera;

elvis1

  • Elvis utilizava o nome de John Burrows quando queria passar incógnito, e relatos dizem que um homem muito parecido com Elvis comprou uma passagem para a Argentina, no dia de sua morte, usando esse nome. Elvis tinha uma casa na Argentina e relatos dizem que no dia seguinte a morte de Elvis, um homem parecido com ele desembarcou em Buenos Aires;
  • Muitos dos livros mais importantes para o rei sumiram logo após a sua morte, inclusive a sua Bíblia;
  • Elvis era interessado pela numerologia, ele até alterou seu nome do meio por sua causa. Muitas pessoas acreditam que se ele realmente fez o plano de simular a sua morte, deve ter pensado que o dia 16 do 8º mês de 1977 completava a soma de 2001. O número era o título de um filme em que o protagonista planeja sua imortalidade no banheiro. Foi exatamente nesse cômodo que oficialmente o seu corpo foi encontrado.

Muitos fãs do rei não acreditam de verdade que ele tenha simulado a morte e que os tenha abandonado. Essas afirmações geram acaloradas discussões até os dias de hoje. O que você acha? Elvis realmente simulou a sua morte para fugir da fama ou de uma grande ameaça que poderia causar-lhe mal, ou tudo não passou de mais uma teoria da conspiração e ele realmente deixou o mundo naquele 16 de agosto de 1977, com apenas 42 anos de idade?

Até a próxima!!

Fontes: Estadão, Guia dos Curiosos, How Stuff Works, Classic Bands, History