A farsa das Fadas de Cottingley

0 Flares Facebook 0 Google+ 0 Email -- 0 Flares ×

 

4415616848974

Muitas vezes ouvimos falar de casos sobrenaturais e mistérios inexplicáveis que rondam o nosso mundo, tais casos eram mais numerosos anos atrás quando não existia a internet ou outro meio ou outros meios de explicá-los.

No artigo de hoje vamos conhecer a história de uma das maiores farsas do mundo sobrenatural, ocorrida no início do século 20. Caso que ficou conhecido como o caso das Fadas de Cottingley.

Em 1917 duas primas, Elsie Wright e Frances Griffiths tiraram algumas fotografias que supostamente possuíam as imagens de algumas fadas. Tais imagens chegaram até mesmo a chamar a atenção do escritor Sir Arthur Conan Doyle, que na época estava escrevendo um livro sobre tais criaturas.

45625564456465

Na época, as duas primas tinham 16 e 9 anos de idade e as fotos que tiraram, causaram rebuliço na mídia inglesa. Muitas pessoas acreditavam realmente que além das meninas havia também algumas fadas na fotografia. Muitas outras pessoas não acreditavam no fato e pensavam que se tratava de uma montagem.

Com a passagem do tempo, as pessoas foram gradativamente esquecendo das Fadas de Cottingley. Foi somente em 1966 que o estranho caso retornou à mídia, quando um repórter resolveu buscar novas informações sobre o antigo caso. Para isso, ele buscou Elsie, que deixou transparecer que se tratava da materialização de seus pensamentos que criaram as fadas que foram registradas nas fotografias.

Foi somente em 1980 que Elsie e Frances admitiram que o mistério da Fadas de Cottingley se tratava de uma montagem realizada pelas duas, com fadas recortadas de um livro infantil e coladas em pedaços de papelão. Mesmo assim, Elsie continuava a dizer que uma das fotografias era real.

Até a próxima!!

Fontes: Revista Galileu, Fato e Farsa, Mistérios Arquivados

Veja também: Quais eram as 7 maravilhas do mundo antigo??O misterioso desaparecimento de Amelia Earhart e O misterioso vórtice do Golfo de Áden