7 fatos que você deveria conhecer sobre as bicicletas

wheels-560751_960_720

A bicicleta é um meio de transporte que além de não poluir, ainda faz bem para a saúde, pois andar de bicicleta é um exercício recomendado. Veja agora 7 fatos que você deveria conhecer sobre as bicicletas:

O surgimento

As primeiras bicicletas surgiram no início do século 19, na Europa, o meio de transporte foi criado pelo barão alemão Karl Von Drais, na época não possuíam pedais e eram impulsionadas pelos pés da pessoa que ia montada nela;

Fabricação em série

Apenas em 1875 foi iniciada a fabricação de bicicletas em série. A partir de então a empresa Michaux and Company foi responsável pelo feito, principalmente para atender ao mercado consumidor francês, pois nessa época as bikes já haviam se tornado uma verdadeira febre por lá;

bicicletas

Sacudindo o esqueleto

Apesar de populares, elas ainda balançavam os ossos dos ciclistas para valer, pois no início ainda não existiam pneus, eles foram criados apenas em 1888 por John Boyd Dunlop.

O Tour de France

Sem dúvida, a competição que envolve bicicletas mais conhecida do mundo é o Tour de France. Essa competição começou a ser disputada em 1903. Ela é tão popular que só parou durante os períodos em que ocorreram as duas grandes guerras;

No oriente

Muitos países apoiam suas estratégias de transporte em bicicletas e elas são vitais em relação a tais políticas. De fato, nenhum país possui um número maior do que a China, onde seus moradores possuem a incrível cifra de 500 milhões de unidades. Além disso, apenas para exemplificar, na Holanda, 7 em cada 8 moradores possuem sua própria bicicleta.

bicicletas

Mas, e os números??

Cada ano são vendidas aproximadamente 100 milhões de bicicletas ao redor do mundo;

Antes de tudo

Os irmãos Wright, considerados mundialmente como os inventores do avião, antes de ganharem esse reconhecimento, eram proprietários de uma humilde oficina de conserto de bicicletas.

Isto é tudo por hoje e assim sendo, até a próxima!!

Curta nossa fanpage no Facebook!!

Fontes: Go by bike, Revista bicicleta, UOL