7 fatos que você deveria conhecer sobre Júlio Verne

  • por

No artigo de hoje vamos falar sobre Júlio Verne, que ficou conhecido como o inventor do gênero de ficção científica. Mas nem só de obras de ficção viveu a vida desse grande pioneiro da literatura mundial, como veremos a seguir. Então, vamos conhecer 7 fatos sobre a vida de Júlio Verne.

  1. Quase um advogado

O pai do Júlio Verne, Pierre Verne, era formado em direito e magistrado da comuna francesa de Provins e pressionou o filho para que seguisse seus passos. Ele até chegou a começar o curso de direito em Paris após uma desilusão amorosa. No entanto, durante a sua estada na capital francesa, ele começou a se interessar mais pelas artes. Isso fez com que seu pai cortasse o auxílio financeiro que dispensava a ele. Mesmo com esse conflito com seu pai, ele se formou em direito em 1851;

  1. As traduções

Júlio Verne é um dos autores mais famosos do mundo e isso se deve à grande penetração que suas obras tiveram em várias culturas. Isso pode ser explicado pela quantidade de idiomas nos quais suas obras foram traduzidas: 148. Além disso, de acordo com as suas estatísticas, ele teria escrito mais de 100 obras durante a sua carreira;

  1. Casamento

Em maio de 1856, ele foi padrinho do casamento de seu melhor amigo na cidade de Amiens. Durante a festa, conheceu Honorine de Viane Morel, irmã da noiva. Menos de um ano depois os dois estavam casados;

Ilustração do livro “Cinco Semanas em um Balão” de Julio Verne

  1. Escrevendo para a Revista Hetzel

Logo depois de se casar e sem um contrato assinado com alguma publicação, a vida financeira de Júlio Verne não era muito confortável. Contudo, isso mudou em 1863 quando foi contratado pela Revista Hetzel para escrever dois volumes por ano contando histórias que envolvessem viagens, história, tecnologia e outros temas de interesse dos leitores da publicação. O contrato perdurou até 1905 e ele publicou 54 romances com esses temas na revista;

  1. Navegando

A partir do momento que sua carreira se estabilizou e o autor começou a dispor de mais dinheiro, comprou um iate que nomeou de Saint Michel. Com essa embarcação, passou um bom tempo navegando pela Europa. Além disso, foi nesses tempos em que ele trabalhou nos manuscritos dos livros “Volta ao mundo em 80 dias e “20 mil léguas submarinas”;

Náutilus

  1. As previsões do futuro

Outro fato muito interessante sobre a biografia de Julio Verne são suas previsões do futuro contidas em suas obras. Entre as mais fantásticas pode ser citado o “Náutilus”, o submarino elétrico do livro “Vinte mil léguas submarinas”. Além disso, existe previsões de prédios muito altos, elevadores, carros com motores de combustão interna, computadores e até mesmo algo que poderia ser comparado à moderna internet;

  1. Sem surpreender a Academia Francesa

A história é recheada de vários nomes que não foram reconhecidos em seu tempo e com Júlio Verne não foi diferente. Apesar de ter tido relativo sucesso durante a vida e ter tentado ingressar na Academia Francesa, que reunia escritores, poetas e cientistas, escolhidos devido a seu talento literário, nunca foi aceito. De acordo com o próprio Júlio Verne, o fato de nunca ter tido importância para a literatura francesa foi o seu maior arrependimento.

Isso é tudo por hoje e assim sendo, até a próxima!!

Curta nossa nossa página no Facebook para ficar por dentro das nossas postagens!!

Veja também: 7 fatos que você deveria conhecer sobre Dom Quixote – 2Série Biografia – Quem foi Lima Barreto

* Salvo aquelas que são de domínio público, todos os direitos autorais sobre as obras audiovisuais deste artigo pertencem aos seus proprietários.

Fontes (pesquisa e/ou material audiovisual): Mental Floss, Discover Walks