A previsão do naufrágio do Titanic

  • por

Já falamos anteriormente sobre o naufrágio mais famoso da história do século XX. Nenhum outro acidente marítimo mexe mais com as pessoas que o que ocorreu na madrugada de 14 de abril de 1912 no Atlântico Norte. Mas o que nem todos sabem é que existe um livro escrito ainda em 1898 que cita um naufrágio muito parecido com o do Titanic. Assim sendo, falaremos hoje daquela que muitos acreditam ser a previsão do naufrágio do Titanic, através do livro “Futility or the wreck of Titan”, ou em português, “Futilidade ou o naufrágio do Titan”.

Prevendo o desastre

O livro, que ganhou uma tradução para o português somente em 2014, foi escrito em 1898 por Morgan Robertson, um novelista sem muita projeção, inclusive, seu livro sobre o tal navio Titan não fez nenhum sucesso também, apenas após a tragédia do Titanic é que começou a ser lembrado e Robertson ganhou reconhecimento pelo que escreveu.

Na história, uma navio muito grande, com capacidade para aproximadamente 3000 pessoas zarpa da Inglaterra para a cidade de Nova Iorque no mês de abril. Contudo, em sua viagem inaugural acabou colidindo com um iceberg e por não haver botes salva-vidas suficientes causou a morte de muitas pessoas. Na história, boa parte dos passageiros eram pessoas ricas.

As semelhanças com o Titanic são muito grandes e se estendem até em especificações técnicas como as três hélices que eram uma característica comum aos navios. Além disso, em relação ao número de botes salva-vidas, o tamanho e a velocidade os dados eram quase iguais nos dois navios. Os capitães dos dois navios tinham o sobrenome Smith.

Conclusão??

Os céticos dizem que o que ocorreu na verdade, não passa de uma simples coincidência, pois as viagens transatlânticas era muito perigosas na época e estavam em evidência, ainda, as coincidências em relação as especificações técnicas entre o Titan e o Titanic se deram principalmente porque a evolução dos navios na época levavam a isto e eram construídos vários com características semelhantes.

Mas muitas pessoas acreditam que Robertson realizou a previsão do naufrágio do Titanic e quis deixar uma mensagem para as pessoas que costumavam navegar pelo Atlântico. Assim sendo, sua intenção era avisar dos perigos da rota e de se negligenciar a segurança dos passageiros por um convés mais organizado.

Veja também: 7 fatos que você deveria conhecer sobre o Titanic7 fatos que você deveria conhecer sobre o Titanic – parte 2.

Isto é tudo por hoje e assim sendo, até a próxima!!

Curta nossa Fanpage no Facebook!!

Fontes: World Mysteries, Naftalina, Ideiafix