As misteriosas e assustadoras catacumbas de Paris

Corredor das Catacumbas de Paris

Quem já visitou a cidade de Paris ou conhece um pouco de sua história já deve ter ouvido falar ou até mesmo visitado um local assustador e ao mesmo tempo integrante de uma importante parte da história da Cidade Luz, vamos conhecer juntos hoje um pouco da história das Catacumbas de Paris.

Esse é o nome dado a uma enorme ossuário existentes no subterrâneo da cidade de Paris e que abriga os restos mortais de aproximadamente 5 a 7 milhões de pessoas falecidos em diversas épocas e que foram depositados ali devido a falta de lugar apropriado uma vez que todos os cemitérios da cidade se encontravam cheios.

A organização das Catacumbas de Paris se iniciou em 1785 quando, por falta de local apropriado para o sepultamento das pessoas que faleciam, retiraram seus ossos depositados nos cemitérios da cidade e e os transportaram para um sistema de cavernas que ficava embaixo da cidade. Essas cavernas existiam desde o início da ocupação romana da cidade, e foram provenientes da exploração de Pedras.

catacumbas2

A decisão de transladar os restos mortais de milhões de pessoas para os subterrâneos da cidade foi tomada pelo conselho de estado francês e inicialmente as ossadas foram depositadas nos corredores de qualquer maneira, sendo que somente em 1810 iniciou-se a disposição ordenada dos restos mortais, Como podemos ver hoje.

Os ossos foram transladados até as Catacumbas de Paris por muitos anos encerrando este processo por volta de 1860 devido a uma reorganização urbana ocorrida na cidade. Elas foram abertas à visitação do público em 1867, e mesmo sendo possível visitá-las é comum ouvir histórias de pessoas que se aventuraram por corredores proibidos do local, sempre que surpreendidos os infratores são multados.

O citado sistema de cavernas possui mais de 400 km de comprimento e em certa época da Segunda Guerra Mundial foi utilizado tanto pelos nazistas como pela resistência francesa com o objetivo de defender-se de ataques e planejar ações militares.

chaves

Outra história que se conta de pessoas que se perderam na imensidão dos túneis das cavernas parisienses e seus restos mortais foram encontrados anos depois em locais com pouca ou nenhuma circulação de pessoas. Um dos casos mais famosos é o do porteiro que em 1792 entrou galerias adentro com o objetivo de beber. Seus restos mortais foram encontrados 11 anos depois e ele se encontra enterrado em um local das catacumbas sendo que até alguns anos atrás era possível conhecer seu túmulo, O que foi proibido devido que essa visita levava algumas galerias que eram proibidas para os visitantes.

catacumbas

Mesmo com toda a preocupação das autoridades para que ninguém entrasse em locais proibidos, em 2004 a polícia francesa encontrou uma estrutura montada em uma galeria inexplorada das catacumbas onde havia sido improvisado um cinema, com uma tela, filmes, bebidas e ligação telefônica. Quando, três dias depois, retornaram para descobrir de onde vem a energia elétrica utilizada no local, foi encontrada apenas um pedaço de papel com a seguinte mensagem escrita: não tentem nos encontrar!!

Até a próxima!!

Fontes: 360meridianos, Obscura Verdade, BP Online