7 fatos incríveis sobre o Deserto do Atacama

atacama

O Deserto do Atacama, situado ao norte do Chile é um dos desertos mais impressionantes do mundo. Atualmente, é um dos principais destinos turísticos na América do Sul que recebe turistas o ano inteiro. Além de sua beleza natural,  o lugar abriga mistérios e histórias incríveis, que certamente vale a pena conhecer.  Acompanhe agora 7 fatos incríveis sobre o Deserto do Atacama.

  1. O deserto mais seco do mundo

Deserto do Atacama

Realmente, o Deserto do Atacama é o mais seco entre todos os desertos do planeta e em alguns lugares específicos do deserto não tem registro de chuva desde o ano de 1570!! Isso fez com que seus habitantes necessitassem trazer água das montanhas para beber, cozinhar e irrigar suas plantações. Na maioria das partes do deserto, a precipitação média é de apenas 1 milímetro por ano. É quase difícil imaginar isso…

  1. Neve no deserto??

Pode parecer estranho, mas no Deserto do Atacama isso pode acontecer. Antes de chegar ao ponto principal do Atacama, dependendo da época é possível encontrar neve e logo em seguida já se deparar com um lugar muito seco. Já imaginou que legal se deparar com esse misto de sensações??

  1. Flores no deserto

flores

Outro fenômeno que você poderá ver no Deserto do Atacama é o chamado deserto florido.  Esse fenômeno ocorre aproximadamente a cada 5 anos, e o que acontece é que o deserto é tomado por flores e plantas coloridas. Uma onda de umidade que passa pelas montanhas é a responsável por fazer isso acontecer. Sementes de flores e plantas que ficam preservadas do calor e do sol embaixo da terra ao se depararem com essa umidade brotam e formam um lindo colorido no deserto. Neste período, o solo fica coberto de flores azuis, amarelas, rosas, vermelhas, entre outras cores.

  1. As cidades Fantasmas do Atacama

cidade fantasma

Antigamente, o Deserto do Atacama abrigava muitas minas no local e para possuir mão de obra disponível, as mineradoras construíram cidades inteiras no meio do deserto para abrigar os trabalhadores e suas famílias.  Depois que o trabalho era concluído e a mina era fechada, os trabalhadores iam pra outro lugar e essas cidades deixavam de existir.  Sem habitantes, essas cidades acabam sendo cobertas pela areia do deserto e atualmente são conhecidas como cidades fantasmas, uma das nossas paixões aqui em nosso site…;

  1. Águas termais

É quase inacreditável, mas o Deserto do Atacama possui termas de água quente. Um dos principais atrativos do lugar são os conhecidos Gêiseres de Tachio, um dos polos geotérmicos mais importantes do nosso continente. Ali é possível nadar em piscinas quentinhas mesmo com a temperatura chegando a perto de 0° do lado de fora.

  1. Animais no deserto

viscacha

Engana-se quem pensa que o Deserto do Atacama não possui vida selvagem. A região do Altiplano, que está a mais de 4 mil metros acima do nível do mar, possui temperaturas mais amenas,  além de muitas lagoas em sua região,  permitindo que animais como lhamas, alpacas, viscachas, flamingos e inúmeras espécies de aves consigam sobreviver.

  1. As múmias mais antigas do mundo

Outro engano do senso comum é que as múmias mais antigas do mundo são as egípcias já que as mais antigas são chilenas, elas são datadas entre 7.000 a 2.000 a.C., são da cultura chinchorro e foram encontradas a partir de 1917, no Deserto do Atacama. Os chinchorros eram caçadores,  coletores e pescadores que viviam na região do Atacama, suas técnicas de mumificação eram extremamente eficientes. Aproximadamente dois mil anos antes dos egípcios desenvolveram esses rituais de mumificação, os chinchorros já faziam isso de forma comum.

Fontes: Casal Nômade, Hotel Urbano, Viaje Comigo, Gold Trip, Suas Próximas Viagens, Mochilão Barato