Como funcionam os submarinos??

submarinos

Na postagem de hoje vamos conhecer um pouco de como funcionam os submarinos, máquinas que permitiram que a raça humana explorasse de forma mais efetiva os oceanos e que participaram de operações de salvamento e pesquisa em várias situações através da história.

O funcionamento dos submarinos

O modo de operar um veículo submarino em geral, é igual ao que era nos primeiros modelos: quando na superfície, temos vários tanques cheio de ar, são os chamados tanques de lastro, para descer, enchem-se os tanques de lastro com água, aumentando o peso do aparelho e conseguindo afundar, ao expulsar a água de dentro dos tanques, retorna-se a superfície.

Primeiramente, os modelos de submarinos eram movidos a tração humana, e conseguiam chegar a profundidade de apenas 5 metros. Quando se tentou realizar a propulsão a vapor, descobriu-se que havia o inconveniente de consumir o oxigênio dos tripulantes, sendo assim abandonada por tal motivo.

s33

A propulsão elétrica permitia que o aparelho fosse a até 260 metros de profundidade, mas a sua velocidade ainda era bem baixa:18 km/h. Ademais, ainda havia o inconveniente de que frequentemente o aparelho deveria retornar até a superfície para carregar as suas baterias, quando na superfície o aparelho funcionava a diesel.

Posteriormente, nos anos 50 foram desenvolvidos os primeiros submarinos nucleares e a velocidade aumentou para 78 km/h e a profundidade chegou a até 850 metros. Com a energia nuclear, um submarino pode permanecer submerso por tempo indeterminado.

Por fim, devemos citar que a Marinha Brasileira também possui submarinos desde o ano de 1914. Nos dias atuais, são cinco submarinos em operação, o S30 Tupi, o S31 Tamoio, o S32 Timbira, o S33 Tapajó e o S34 Tikuna.

Isto é tudo por hoje e assim sendo, até a próxima!!

Veja também: O que é o efeito placebo??

Como funciona o ar-condicionado??

Curta nossa Fanpage no Facebook!!

Fontes: UOL, Blog do Engenheiro, Naval