7 fatos sobre o filme “O código da Vinci” – Pt 2

Da Vinci Revised-CLN

O filme “O código da Vinci” colecionou uma legião de fãs que aprovaram a adaptação feita do livro de mesmo nome do autor Dan Brown e também uma legião de críticos que, por várias razões, não aprovaram a forma como a história é contada ou a própria história em si. Mesmo que você esteja no segundo grupo deve concordar que o filme é um dos mais famosos da primeira década do século XXI, e filmes como esses merecem uma segunda edição do artigo com as suas curiosidades.

  1. Falsificando a Monalisa

Mona Lisa

Já falamos sobre o famoso quadro de Leonardo da Vinci algumas vezes em nosso site. Os produtores do filme não obtiveram autorização para utilizar iluminação no quadro original assim sendo, todas as cenas em que a Monalisa aparece no filme, trata-se de uma réplica. A autorização não foi dada já que, segundo a administração do museu, a iluminação poderia danificar a pintura;

  1. Anagrama de um personagem real

Em uma história com tantos enigmas e mistérios a serem revelados o nome do editor do personagem Robert Langdon também faz referência há um personagem real e pode ser traduzido depois de decifrado um anagrama. Na história, o homem se chama Jonas Faukman, que é um anagrama de Jason Kaufman, o editor de Dan Brown na vida real;

  1. Buscando o boicote

codigo da Vinci 3

Alguns grupos cristãos anunciaram e solicitaram aos seus integrantes que boicotassem “O Código da Vinci” já que, segundo eles, passaria uma imagem errada sobre a história de Jesus Cristo;

  1. Ajuda do governo contra “O Código da Vinci”
Protestos contra o codigo da vinci

Protestos contra “O Código da Vinci”

Da mesma forma, alguns grupos cristãos conseguiram que o filme fosse proibido em seus países. Um desses exemplos foi a China, onde o filme arrecadou mais de 13 milhões de dólares nos primeiros dias de exibição mas os protestos tem um grupo de católicos chineses fez com que as autoridades o retirassem dos cinemas.

Mas na censura não ocorreu apenas naqueles países, outros locais onde a censura ocorreu por ordem governamental foram o Egito, o Paquistão, Samoa, ilhas Salomão e Sri Lanka;

  1. Cantando o segredo

Dan brown

Essa curiosidade é de cair o queixo: muitas pessoas que assistiram o filme não conhecem a fundo a biografia do autor do livro: Dan Brown. Um fato interessante sobre sua história é que ele, antes de se aventurar pelo mundo dos livros, já havia tentado a sorte na música pop. Surpreendentemente, uma de suas músicas chama-se “976-love” e fala sobre, pasmem, sexo por telefone;

  1. Premiações

framboesa de ouro

Mas é óbvio que um filme dessa envergadura não poderia ficar sem ser indicado a alguns prêmios. Entre os principais prêmios aos quais foi indicado estão: Globo de ouro de melhor trilha sonora, Critics Choice de melhor compositor, Grammy de melhor trilha sonora para mídia visual, Peoples Choice de melhor filme de drama. Por outro lado, o diretor Ron Howard fui indicado como pior diretor no prêmio Framboesa de Ouro (o prêmio criado para homenagear os piores filmes);

  1. Continuações

Devido ao sucesso da produção, o filme foi seguido por duas sequências: “Anjos e Demônios” de 2009 e “Inferno” de 2016.

Isto é tudo por hoje e assim sendo, até a próxima!!

Veja também: 7 fatos sobre Harry Potter e a Pedra Filosofal

7 fatos que você deve conhecer sobre o filme Mad Max

7 fatos que você deveria conhecer sobre Toy Story 4

Curta a nossa fanpage no facebook!!

Fontes: IMDB, Lit Reactor, Religion Facts, Adoro Cinema, Fatos Desconhecidos