A história do nazismo no Brasil

Arquivo Público do Paraná - Nazismo no Brasil

O Brasil lutou junto aos aliados durante a Segunda Guerra Mundial, mas você sabe que mesmo assim existiam por essas bandas muitas pessoas filiadas ao Partido Nazista e que efetivamente existiu o nazismo no Brasil?? Vamos conhecer um pouco sobre essa história no artigo de hoje.

O Brasil é um país multicultural, um grande caldeirão formado por imigrantes de muitos países, sendo que uma das maiores comunidades de imigrantes do nosso país é proveniente da Alemanha. Em várias cidades de nosso país, em especial da região Sul, a presença da Alemanha e de seus costumes pode ser notado até pelos mais distraídos.

Com esse cenário e com a criação do Partido Nazista da Alemanha em 1920, no ano de 1928 foi fundado o Partido Nazista no Brasil. Isso ocorreu no estado de Santa Catarina e em seguida o partido se alastrou por outros estados, sendo que estimativas dão conta de que aproximadamente 3 mil pessoas foram filiadas a ele durante o período em que funcionou.

Nazismo no Brasil

O Brasil não foi o único país do mundo a possuir uma célula do partido nazista, ao todo, 83 países tiveram a organização em suas fronteiras, entretanto, o que mais chama a atenção é que o Partido Nazista brasileiro era o maior do mundo fora da Alemanha, a que mais chegava perto do Brasil era o Partido Nazista da Holanda, com aproximadamente 1600 membros. Aqui em nosso país, apenas alemães natos poderiam se associar de forma efetiva ao partido, os descendentes poderiam ser apenas simpatizantes do partido.

A maior parte da população alemã não aderiu ao nazismo no Brasil, apesar de todos os esforços do governo alemão em conseguir novos adeptos para a sua causa. Por outro lado, para a maioria dos historiadores, o Partido Nazista Alemão em seu núcleo no Brasil, não havia divulgado nenhum interesse especial no Brasil, a não ser o de recrutar cidadãos alemães, historicamente, todas as suas ações eram voltadas para o território e a política alemã.

nazismo no Brasil 2

Tijolo com suástica encontrado no Brasil na década de 80

A partir de 1938, todos os partidos foram extintos e proibidos, devemos lembrar que nessa época estávamos no período conhecido como o Estado Novo, mas o partido nazista permaneceu em atividade no Brasil, de forma velada, até a entrada do país na Segunda Guerra Mundial, quando passou a ser perseguido pelos serviços de informação do governo Vargas. Alguns de seus membros foram até mesmo enviados aos campos de concentração brasileiros.

O Nazismo no Brasil se encerrou com o fim das atividades do partido no final da Segunda Guerra Mundial, mas mesmo assim, várias comunidades de imigrantes e descendentes alemães receberam fugitivos da Alemanha, o mais famoso foi o médico Josef Mengele, que morreu em Bertiga, em 1979.

Até a próxima!!

Fontes: Gazeta do Povo, Carta Capital, Café História, BBC, Superinteressante