Por que Plutão deixou de ser um planeta??

plutão

Plutão foi descoberto em 1930 pelo astrônomo norte americano Clyde Tombaugh e por muitos anos foi considerado como o nono planeta de nosso sistema solar. Mas você sabe por que ele deixou de ser considerado um planeta?

Inicialmente os primeiros astrônomos chegaram a especular que Plutão tinha o diâmetro maior que o da Terra, mas na década de 70, começou a ganhar corpo a teoria de que Plutão nem mesmo seria um planeta, pois além de ser pequeno, possuía pouca massa e sua órbita era diferente dos outros planetas, sendo mais achatada. Na verdade o diâmetro de Plutão é menor que a nossa Lua. Depois de tanta controvérsia, com a descoberta de um dos satélites de Plutão, chamado de Caronte, aqueles que o defendiam na condição de planeta ganharam mais força em seus argumentos.

Somente a partir dos anos 90, com o aprimoramento da tecnologia de construção de telescópios, pode-se verificar a existência de vários objetos que se encontram depois da órbita de Netuno, e verificou-se que haviam vários de tamanho e massa quase iguais a de Plutão, em 2005, verificou-se que um objeto recém descoberto, que ganhou o nome de Eris, é maior que Plutão.

eris

Eris

Com esses novos dados, em 2006, a União Internacional de Astronomia realizou a alteração da classificação de Plutão como planeta anão, além disso, classificaram Eris, Ceres e Eli como planetas anões por possuírem características parecidas com Plutão.

Após a controvérsia, a União Internacional de Astronomia foi obrigada a criar uma definição do que seria um planeta, que teria que atender a três exigências:

Inicialmente, um planeta é obrigado a orbitar uma estrela, no caso de Plutão, esta condição seria atendida por estar orbitando o Sol.

O corpo deve atingir o equilíbrio hidrostático, que seria possuir massa e gravidade que sejam suficientes para possuir a forma esférica, que é outra condição atingida por Plutão.

Por fim, o corpo deve ter gravidade suficiente para não permitir que outros corpos estejam na mesma órbita que ele. Essa condição não é atendida por Plutão, pois ele compartilha a mesma órbita com outros corpos do chamado Cinturão de Kuiper.

Veja também: Qual a importância da Lua para o planeta Terra?

Até a próxima!!

Fontes: EBC, O Povo, Terra, Eternos Aprendizes