Afefobia – Você tem medo de ser tocado??

ser tocado

Vivemos em uma sociedade e somos seres que necessitam uns dos outros para viver e por isso falamos uns com os outros, olhamos uns para os outros, interagimos uns com os outros e tocamos uns nos outros. Mesmo assim, algumas pessoas não suportam a ideia de serem tocadas por outras pessoas. Sendo assim, a aversão, ou o medo de ser tocado, se chama Afefobia.

Afefobia

A afefobia, também conhecida como Hafefobia, Haptefobia ou também como quiraptofobia, nasce em geral, de uma experiência traumática vivida pela pessoa, essa experiência negativa é normalmente causada por algo perigoso, assustador ou doloroso e acaba retornando a mente do afefóbico de forma recorrente, com a ideia do toque por outros.

O Afefóbico não aceita toques não solicitados a serem realizados por outras pessoas, e também não toca outros, não aperta a mão dos outros, não aceita e não faz carinho em outras pessoas, não abraça ou é abraçado por ninguém.

A afefobia pode causar em seus portadores: taquicardia, medo paralisante ao encontrar a situação que possa levar ao toque, excesso de suor, desconforto. Ademais, em alguns casos extremos, podem até mesmo serem notadas crises de pânico no afefóbico.

Em geral, a afefobia acaba sendo prejudicial para a autoconfiança da pessoa e pode ser manifestada inicialmente, pelo medo de ser tocado por estranhos, em seguida, pode atrapalhar o convívio com pessoas próximas, pela distância que o afefóbico pode tomar dessas pessoas e por fim, pode chegar a isolar a pessoa de forma total.

Em geral, o tratamento é feito com a exposição gradual da pessoa com a possibilidade de ser tocado por pessoas queridas e conhecidas. Além disso, e de forma gradual a introdução de novas sensações, com o objetivo de aumentar a segurança e reduzir o nível da fobia.

Isto é tudo por hoje e assim sendo, até a próxima!!

Veja também: Você tem medo de casar?? e Você tem medo de palhaços??

Curta nossa Fanpage no Facebook!!

Fontes: Fóbicos, Não Salvo, Nerdzord